Investimentos

As principais diferenças entre o Fiagro e o FII

Rodrigo Colombo
Escrito por Rodrigo Colombo
Que tal ter dinheiro todo mês caindo na sua conta?

Eu quero te ensinar a investir em imóveis com R$100. Sem financiamento, sem burocracia e do conforto da sua casa!

Existem diferenças pontuais que fazem do Fiagro e o FII coisa extremamente diferentes, as estruturas principais das duas ferramentas são coisas extremamente diferentes e fazem deles ferramentas opostas.

Todo mundo sabe que São Paulo é o centro financeiro do nosso país, na Faria Lima é onde toda a magia financeira da nossa nação acontece.

É ali que os grandes bancos mantém seus escritórios e fazem praticamente todo o dinheiro do Brasil girar, passando de mão em mão.

É ali que os grandes investidores procuram oportunidades de investimentos nos grandes escritórios.

O que pouca gente sabe é que o setor financeiro do Brasil não é o maior gerador de dinheiro da nossa economia, o setor Agro é um deles.

26,6% de toda a produção do nosso país vem do Agro, é ali que a coisa acontece e muitas vezes o povo nem sabe disso.

Mato Grosso é o maior produtor do Brasil. O estado lidera a produção nacional de soja e milho e é dono do maior rebanho do país.

O agro é extremamente forte no Brasil, e o Mato Grosso seria a nossa Faria Lima.

Entre 2019 e 2020 alguns fundos imobiliários do setor agro foram criados, FIIs como BTAL11 e RZTR11 vieram à mercado e captaram para investir no segmento mais forte da nossa economia.

Meses depois do nascimento deles começou a se falar nos Fiagros, e então virou uma bagunça.

São o RZTR11 e BTAL11 Fiagro? Então eles são FII?

A estrutura dos dois tipos de investimento são parecidas, mas não idênticas.

As “pequenas diferenças” acabam fazendo deles coisas bem diferentes.

fiagro e fiis

O principal e único foco do Fiagro é o segmento agro, ele foi construído para investir totalmente no segmento e não sair desse mercado.

Uma diferença tradicional são os investimentos em Dívida, enquanto um FII pode investir em CRI e LH que estão ligadas à todo tipo de negócio, os Fiagros podem investir somente em CRA e LCA que são totalmente ligadas ao mercado agro.

Outra diferença pequena e que faz uma grande diferença está na distribuição obrigatória de dividendos.

Enquanto os FIIs são obrigados a distribuírem pelo menos 95% do lucro de cada semestre, os Fiagros não tem essa obrigação e podem inclusive não distribuírem nada.

Eles podem reinvestir e comprar terras com o lucro, coisa que os fiis não podem fazer.

Uma outra mudança que parece pouco mas muda quase tudo entre Fiagro e o FII é a que proíbe o cotista com mais de 25% de ser um incorporador ou construtor do projeto, possibilitando inclusive a integralização de uma propriedade em troca de cotas do fundo.

Como eu falei, são poucas mudanças que aconteceram de um para o outro, mas essas poucas acabam mudando muita coisa e abrindo muitas possibilidades.

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado.